Perceba sua natureza transitória...

Desperte teu Sol Interno...

...e Siga a natureza silenciosa de teu coração.


MMSorge

Tradutor Universal

Para ouvir a Rádio clique no Player

terça-feira, 8 de abril de 2014

Shiva e Shakti - Shiva e Shakti representam o divino casal puro em sua mais profunda essência.

Shiva e Shakti 


 Shiva e Shakti representam o divino casal puro em sua mais profunda essência.

As duas forças que polarizam todo o Universo e toda a manifestação criada, quando os dois se unem no sagrado Hieros Gamus, Alquimia Sexual ou Sahaja Maituna, iniciam o rito do coito cósmico.

Na escala microcósmica homem/Mulher esta força desperta Kundalini que a faz subir até Kether, nossa divina coroa, que é o próprio Shiva, desatando os Sete Selos do Apocalipse de São João, abrindo e realinhando os sete chakras com o plano cósmico de evolução. Esta união sagrada nos transporta para a vibração do amor e da auto-realização intima, nos elevando para os mundos internos de ascensão plena e amor absoluto.

Na escala macrocósmica a força divina da androgenia Shiva/Shakti constroem todo nosso universo de Planetas, Sóis, Constelações e Galáxias. Esta força puríssima constrói tudo que se manifesta ante nossos olhos com a expressão e a força divina dos Elohim, dois que são um e se unem para criar.

Este é o grande mistério de Shiva e Shakti, quem tem olhos para ver, pode perceber a realidade aqui aberta.

Somente o amor pode nos elevar para além de toda forma.
Eu você e todo o Universo somos somente a expressão desta maravilhosa força que chamamos de AMOR.

Meu amor esta em ti e teu amor vive manifestado constantemente e eternamente em mim... Somos um, sempre fomos.

Nada pode nos separar, apenas a ilusão temporária disso que estamos, mas que em realidade verdadeiramente não somos.


FIAT LUX

PAX

MMSorge

segunda-feira, 7 de abril de 2014

O Mahabharata - Download completo traduzido para o Português

O Mahabharata
Completo traduzido para o Português

Uma grande história é contada no livro Mahabharata de Krishna-Dwaipayana Vyasa. Considerado o maior épico do mundo, começou a ser escrito no século IV a.C. e compreende uma enciclopédia de 18 livros. É reverenciado na Índia por contar histórias de deuses e grandes homens.

Alguns trechos de seu texto trazem muitos conhecimentos de espiritualidade. O livro Mahabharata tem em seu conteúdo a reunião de várias histórias contadas de mestres para discípulos sobre uma época de guerras e o foco principal do Mahabharata é a batalha de Kuruksetra, uma guerra entre dois ramos da mesma família pela posse de um reino. Os ensinamentos ditados por Krishna para Arjuna na guerra para que ele lutasse da melhor forma compõem o famoso Bhagavad Gita. (foto abaixo).

 
Foto: Krishna conversando com Arjuna antes da batalha.

Enfim, o Mahabharata é uma grande coletânea de contos, alguns bem humorados, outros trágicos, mas a maioria traz mensagens espirituais para a vida. Não sou eu que estou fazendo a tradução, mas como acho de grande importância compartilhar conhecimentos e como estamos sempre em busca de mais sabedoria espiritual, vou disponibilizar nesse tópico os livros para download que foram traduzidos por Eleonora Meier da versão completa em inglês para o português do Mahabharataoriginal. Conforme vão surgindo os livros traduzidos, irei atualizando esse post. Para quem se interessar em ler:

Baixar os livros do Mahabharata:

Livro 1- O Mahabharata Adi Parva Clique paradownload
Livro 2- O Mahabharata Sabha Parva Clique paradownload
Livro 3- O Mahabharata Vana Parva Clique paradownload
Livro 4- O Mahabharata Virata Parva Clique paradownload
Livro 5- O Mahabharata Udyoga Parva Clique paradownload
Livro 6- O Mahabharata Bhishma Parva Clique paradownload
Livro 7- O Mahabharata Drona Parva Clique paradownload
Livro 8- O Mahabharata Karna Parva Clique paradownload
Livro 9- O Mahabharata Shalya Parva Clique paradownload
Livro 10- O Mahabharata Sauptika Parva Clique paradownload
Livro 11- O Mahabharata Stri Parva Clique para download
Livro 12- O Mahabharata Santi Parva Clique paradownload
Livro 13 - O Mahabharata Anusasana Parva Clique paradownload
Livro 14 - O Mahabharata Aswamedha Parva Clique paradownload
Livro 15 - O Mahabharata Asramavasika Parva  Clique paradownload
Livro 16 - O Mahabharata Mausala Parva Clique para download
Livro 17 - O Mahabharata Mahaprasthanika Parva Clique paradownload
Livro 18 - O Mahabharata Svargarohanika Parva Clique paradownload

Postado por Nádia 

MAHABHARATA - মহাভারত - महाभारत

MAHABHARATA  


মহাভারত 


महाभारत



Maabárata, conhecido também como Maabarata,1 MahabarataMahabharata e Maha-Bharata2 (devanágari: महाभारत, transl. Mahābhārata), é um dos dois maiores épicos clássicos da Índia, juntamente com o Ramáiana. Sua autoria é atribuída a Krishna Dvapayana Vyasa. O texto é monumental, com mais de 74 000 versos em sânscrito, e mais de 1,8 milhões de palavras; se o Harivamsa for incluído como sendo anexo e parte da obra, chega-se a um total de 90 000 versos, compondo o maior volume de texto numa única obra humana.

O Maabárata é visto por alguns autores como o texto sagrado de maior importância no hinduísmo, e pode ser considerado um verdadeiro manual de psicologia-evolutiva de um ser humano. A obra discute o tri-varga ou as três metas da vida humana: kama ou desfrute sensorial, artha ou desenvolvimento econômico e dharma, a religiosidade mundana que se resume a códigos de conduta moral e rituais.
Além dessas metas mundanas, o Maabárata trata de moksha, ou a liberação do ciclo de tri-varga e a saída do samsara, ou ciclo de nascimentos e mortes. Em outras palavras, é uma obra que visa ao conhecimento da natureza do "eu" e à sua relação eterna com toda a criação e aquilo que transcende a ela.

O Maabárata estabelece os métodos de desenvolvimento espiritual conhecidos como karmajñana e bhakti, firmemente adotados pelo hinduísmo moderno.
O título pode ser traduzido como "a grande Índia" (literalmente "a grande dinastia de Bárata"), mas o sentido verdadeiro é o de elucidar o grande trajeto percorrido pelo eu (atman) nesta criação material e fora dela.

A obra é considerada, pelos hindus, uma narrativa histórica real, e parte do Itihasa (literalmente, "aquilo que aconteceu") hindu, juntamente com o Ramáiana e alguns textos dos Puranas.

A obra, assim com todos os demais textos sagrados hindus, possui um aspecto externo mitológico, como o de uma simples lenda mitológica sobre reis e príncipes, deuses e demônios, sábios e santos, guerra e paz. Mas o sentido exotérico, de certa forma oculto, na verdade versa sobre tri-varga, e sobre o objetivo mais importante da existência,moksha e as atividades da alma liberada no seu relacionamento com a dualidade desta criação e a harmonia não-dual do Absoluto.

O Maabárata contém todos os aspectos do hinduísmo e todos os fundamentos da filosofia advaita.

Algumas partes da obra são considerados e estudados como trabalhos fundamentais e analisados e reverenciados isoladamente, tais como:

  • Bhagavad Gita, parte do Anushasanaparva
  • Damayanti ou Nala e Damayanti, uma fabulosa história de amor, parte do Aranyakaparva
  • Krishnavatara, a história de Krishna, a Krishna Lila, que se desenvolve em inúmeros parvas, ou capítulos da narrativa
  • Uma versão abreviada do Ramayana no Aranyakaparva
  • Vixnu Sahasranama (o hino que descreve os mil nomes de Vixnu, uma das preces mais famosas do hinduísmo, no Anushasanaparva

Logo no primeiro parva ("seção"), o Maabárata anuncia o seu caráter excepcional: “ O que for encontrado aqui, pode ser encontrado em qualquer outro lugar. Mas o que não for encontrado aqui, jamais será encontrado em outro lugar.”

quarta-feira, 2 de abril de 2014

QUE TEMPOS SÃO ESTES QUE VIVEMOS! (O renascimento da Humanidade)

QUE TEMPOS SÃO ESTES QUE VIVEMOS!
(O renascimento da Humanidade)


Que tempos são estes em que vivemos ?

Nunca geramos tanta informação como temos gerado hoje em dia.

Nunca na historia da humanidade passamos por tantas pressões sociais comportamentais, reflexo de uma psicologia deformada e exarcebada pelo ter, pelos desejos e apegos.

Nunca se viu tanta desigualdade e desequilíbrios dos mais variados sobre a face deste planeta; da distribuição de renda de um sistema financeiro cego, corrupto e materialista até a naturalização da dor humana como se fosse comum ver nosso semelhante sofrer até sua morte.

O que acontece com o mundo em geral e com o processo que estamos passando?

Estamos constatando via Ciência que eventos cósmicos raros estão ocorrendo com periodicidade e os nossos cientistas correm para compreender os fatos.

Vemos a frequência Schumann aumentando, vemos uma inclinação lenta e constante do eixo do planeta, vemos o degelo dos polos, vemos novos ramos da ciência descobrindo coisas jamais imaginadas e vistas por nossos pais; como mostram a física quântica, a epigenética, a biofotônica, a geometria sagrada; e por assim dizer, seriam tantos ramos do saber a serem elencandos, que nos perderíamos na quantidade de informações que estamos gerando.

A novidade tecnológica de ontem é suprimida pela de hoje, e nesta voracidade ficamos cada vez mais superficiais e deixamos assuntos importantes como os relacionamentos humanos de fora.

As pessoas estão passando por um processo especifico que as colocam em uma nova consciência mais profunda, porém estamos condicionados e não queremos abandonar os antigos padrões de comportamento e de apego simplesmente por medo.

Crises emocionais são constantes, estamos vendo projetado nos outros aquilo que nós mesmos temos em nosso interior. (O Salão dos espelhos dos Maias).

Crises financeiras internacionais são inevitáveis, visto que o sistema é feito de seres humanos, e o homem estando em transformação, assim também estará em transformação toda realidade a sua volta.

No fundo não queremos nada que nos obrigue, que nos faça tomar ações pelo simples fato de que sempre foi assim e assim deve ser. Chegamos ao limite!!!

Clamamos por consciência de nossos semelhantes, mas eles também estão em crise, e passando pelas mesmas transformações.

Porém, Esse tempo esta acabando e para tanto é preciso passar pelas dores do parto.

Nosso cérebro parece que irá derreter, nossas emoções parecem que vão explodir!!!

O tempo esta encurtando e parece que o que fazíamos antes com 24 horas não dá mais para fazer, pois a sensação de tempo esta diminuindo. 

Desta forma, nossas ações devem estar desatreladas do tempo, pois cada ato ou ação devem ser sagrados e executados sem mais pressão nem pressa.

O Tempo deve ser vivido e não mais vendido, como fomos acostumados.

Anular o tempo em nossa mente é não mais atrelar ações, produções e metas a ele, percebem! Isso é o que chamamos de adentrar em uma nova dimensão e percepção interior.

A terra esta migrando de dimensão e nem se quer damos conta disso, a teoria das super cordas da física já começa a refletir sobre essas possibilidades existenciais.

Com todas estas mudanças o primeiro passo é o tempo desaparecer e os antigos conflitos internos serem resolvidos de forma muitas vezes dolorosa, pois não desenvolvemos consciência suficiente para amenizar a dor que é inevitável, ainda não nos demos conta da mudança que esta em curso, relações conflituosas e egóicas não caberão na nova terra que esta ascendendo, compreendem ?

Mas saibam que tudo esta como deve ser.

O processo é de renascimento, para uma nova fase planetária, Aguentem firmes!!! Logo  tudo vai passar.

Fiquem quietinhos neste momento de transição e escutarão a voz interior clamar.

Não deem valor para as palavras dúbias ou negativas de seus semelhantes neste exato momento, pois eles estão passando pelos mesmos processos.

Da mesma forma não escutem a voz do ego que grita em vossas cabeça querendo que vocês façam isso ou aquilo, ou que achem isso ou aquilo desta, ou daquela pessoa, isso é ilusório o ego sabe que irá morrer e tenta de qualquer forma se revirar e se auto afirmar para continuar vivo, mas é inevitável pois o momento da metamorfose chegou. 

Se recolham em vocês mesmos e encontrem a vossa Paz Interna, seja da forma que melhor se encaixe dentro do universo pessoal e cultural de cada um, tolerem seus semelhantes e não ajam por impulso neste momentos finais para evitar mais dores desnecessárias, acalmem-se e orem, vibrem e meditem positivamente na harmonia de todos em nosso planeta.

Emanem o máximo de amor a todos os seres, pois o pensamento positivo esta muito sensível na fase em que estamos passando... É no dizer popular, pensou aconteceu..., então estejam na vibração do amor, e se lancem a ação resignada renunciando toda a dor que estão sentindo.

Logo, tudo isso passará, e restará somente luz, amor, alegria, harmonia e Paz.

Fiquem na Luz e emanem Amor.
Um irmão de transição.


FIAT LUX
PAX

Se o amante se lança na chama da vela e não se queima,
ou a vela não é vela ou o homem não é Homem,
Assim o homem que não é enamorado de Deus
e que não faz esforços para o alcançar não é Homem.
Deus é aquele que queima o homem e o aniquila
e nenhuma razão o pode compreender.

Mawlana Rumi - ' Fihi ma fihi'

Por Amor

Por Amor
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

... És precioso aos meus olhos. Troco reinos inteiros por ti...

"Nem Cristão, Judeu, ou Muçulmano,

nem Hindu, nem Budista, Sufi ou Zen.

Nem uma Religião ou Sistema cultural.

Eu não sou do Oriente nem do Ocidente,

nem dos oceanos nem da terra,

nem material ou etéreo,

nem composto de elementos.

Eu não existo..."


Mawlana Jalaluddin Rumi