Perceba sua natureza transitória...

Desperte teu Sol Interno...

...e Siga a natureza silenciosa de teu coração.


MMSorge

Tradutor Universal

domingo, 27 de janeiro de 2013

ANJOS E GIGANTES III ANUNAKIS


ANJOS E GIGANTES III ANUNAKIS


Nota do blog O SOL INTERNO: 

Iniciamos aqui alguns estudos sobre Anjos e Gigantes, juntamente com O livro perdido de Enoch. Já a um bom tempo estávamos para iniciar estes estudos e agora chegou seu momento de fazê-lo.

Indicamos aqui a leitura das sagradas escrituras do povo Hebreu (Bíblia On Line), como também As Chaves de Enoch (JJ Hurtak) e o Livro perdido de Enoch (Você precisa ter uma conta de e-mail no MSN ou Hotmail para baixar este livro).


NOTA:
As informações contidas abaixo bem como comentários sobre o tema é de responsabilidade exclusiva do Autor. O Blog O SOL INTERNO apenas esta promovendo estudos mais amplos para maior compreensão e se coloca de forma neutra e imparcial nas escolhas e decisões de cada leitor.

Nem todas as ideias expressadas pela autora refletem a opinião do Blog O SOL INTERNO, porém a quantidade de informações trazidas sobre os Gigantes não devem ser descartadas e sim estudas com maior profundidade, por isso trouxemos juntamente com estas matérias outros livros importantes para nortear e conduzir de forma mais segura o estudante.

Adorar o Sol não significa aceita-lo como "DEUS". 

O único caminho que nós do Blog O SOL INTERNO seguimos é o caminho interior e a luz interna que pulsa em cada coração humano o conectando diretamente com "DEUS" sem nenhum intermediário, assim como a fez CRISTO, KRISNA, BUDHA cada qual segundo seu grau de profundidade e de compreensão sobre os mistérios que envolvem a criação e toda a sua manifestação nas infinitas dimensões.

Essa luz interna está muito além da luz de todos os sois, de todas as galaxias e de todos os universos. 

Essa pura luz interna é a verdadeira força que põe em torque e em movimento tudo que o externo produz, desde um pequenino átomo às grandes e mais complexas manifestações dos universos, porém tudo parte de dentro e não de fora, a adoração é interna e não externa. Devoção, simplicidade e Amor esse é nosso caminho.

As culturas fálicas tem sua importância, a limitação de compreensão sobre elas colocam os estudantes, os iniciados e muitos pesquisadores brilhantes com uma visão unilateral, limitada e dogmática em um mar de confusões e em um labirinto sem volta. 

Há que se ter equilíbrio e maturidade para obter conhecimento sem julgamento.

A ÚNICA CONEXÃO VERDADEIRA É AQUELA QUE CONECTA TEU CORAÇÃO AO CORAÇÃO DE "DEUS" E NESSA CONEXÃO A ÚNICA ENERGIA QUE PODE EXISTIR É SOMENTE A ENERGIA DO AMOR.

Acima da LEI esta o AMOR! 
O único SOL que deve prevalecer é aquele em nosso INTERIOR!!!

Bons Estudos.

FIAT LUX
PAX

MMSorge

CRISTO VIVE NO AMOR!

***



***

PARA MELHOR COMPREENSÃO LER TAMBÉM OS ARTIGOS DA MESMA AUTORA: ANJOS E GIGANTES I e ANJOS E GIGANTES II.

LIVRO DE GÊNESIS CAP 06
1  E aconteceu que, como os homens começaram a multiplicar-se sobre a face da terra, e lhes nasceram filhas,

2  Viram os filhos de Deus que as filhas dos homens eram formosas; e tomaram para si mulheres de todas as que escolheram.

3  Entäo disse o SENHOR: Näo contenderá o meu Espírito para sempre com o homem; porque ele também é carne; porém os seus dias seräo cento e vinte anos.

4  Havia naqueles dias gigantes na terra; e também depois, quando os filhos de Deus entraram às filhas dos homens e delas geraram filhos; estes eram os valentes que houve na antiguidade, os homens de fama.

5  E viu o SENHOR que a maldade do homem se multiplicara sobre a terra e que toda a imaginaçäo dos pensamentos de seu coraçäo era só má continuamente.

6  Entäo arrependeu-se(reprovou-se) o SENHOR de haver feito o homem sobre a terra e pesou-lhe em seu coraçäo.

LIVRO DE ENOQUE CAPITULO 07

1  E aconteceu depois que os filhos dos homens se multiplicaram naqueles dias, nasceram-lhe filhas, elegantes e belas.

2  E quando os anjos, (3) os filhos dos céus, viram-nas, enamoraram-se delas, dizendo uns para os outros: Vinde, selecionemos para nós mesmos esposas da progênie dos homens,
e geremos filhos.

(3) No texto aramaico lê-se "Sentinelas" (J.T. Milik, Aramaic Fragments of Qumran Cave 4 [Oxford: Clarendon Press, 1976], p. 167).

10  Então eles tomaram esposas, cada um escolhendo por si mesmo; as quais eles começaram a abordar, e com as quais eles cohabitaram, ensinando-lhes sortilégios, encantamentos,e a divisão de raízes e árvores.

11  E as mulheres conceberam e geraram gigantes, (7).
(7) O texto grego varia consideravelmente do etíope aqui.

Um manuscrito grego acrescenta a esta secção,
"E elas [as mulheres] geraram a eles [as Sentinelas] três raças:
os grandes gigantes.

Os gigantes trouxeram [alguns dizem “mataram"] os Naphelim, e os Naphelim trouxeram [ou "mataram"] os Elioud.

E eles sobreviveram, crescendo em poder de acordo com a sua grandeza." Veja o registro no Livro dos Jubileus.

12  Cuja estarura era de trezentos cúbitos. Estes devoravam tudo o que o labor dos homens produzia e tornou-se impossível alimentá-los;

13  Então eles voltaram-se contra os homens, a fim de devorá-los;

14  E começaram a ferir pássaros, animais, répteis e peixes, para comer sua carne, um depois do outro, (8) e para beber seu sangue.

(8) Sua carne, um depois do outro. Ou, "de uma outra carne". R.H. Charles nota que esta frase pode referir-se à destruição de uma classe de gigantes por outra. (Charles, p. 65).

15  Então a terra reprovou os injustos.

LOGO NOS PRIMEIROS CAPÍTULOS DE ENOQUE, HÁ UMA DESCRIÇÃO CLARA DO MESMO TRECHO DE GÊNESIS ACIMA, COM MAIS RIQUEZA DE DETALHES. E NÃO EXISTE DISCORDÂNCIA NENHUMA NO LIVRO DE ENOQUE COM AS SAGRADAS ECRITURAS CONHECIDA POR NÓS.

NA VERDADE, A PASSAGEM DOS ANJOS DECAÍDOS, GIGANTES E DILÚVIO É REVELADOR, E ALERTARIA O HOMEM PARA TODA A VERDADE OCORRIDA À MILÊNIOS ATRÁS.

O MOTIVO DETERMINANTE DO DILÚVIO ACONTECER TEM MUITO HAVER COM A CARNE CORROMPIDA (DNA ALTERADO), O NASCIMENTO DOS GIGANTES.

SEMPRE NOS EXPLICAVAM QUE NAQUELA ÉPOCA A HUMANIDADE ESTAVA EM GRANDE DESGRAÇA, PECADO, VIOLÊNCIA E SÓ, IGUALANDO O PANORAMA SOCIAL E ESPIRITUAL AOS DIAS DE HOJE.

MAS A QUESTÃO DECISIVA DO FIM E RECOMEÇO DA RAÇA HUMANA ERA MUITO MAIS SÉRIO, POIS ERA CIENTÍFICO E GENÉTICO.

NOTA:
ESSA LINHA TEOLÓGICA DE PENSAMENTO QUE SERÁ APRESENTADA, NÃO É ACEITA PELA MAIORIA DAS RELIGIÕES, INCLUSIVE NA CATÓLICA OU EVANGÉLICAS.

A MAIORIA AFIRMAM QUE A EXPRESSÃO "OS FILHOS DE DEUS" ERAM DA LINHAGEM DE SETE (HUMANOS), E FORAM ELES QUE ORIGINARAM OS GIGANTES DEVIDO A RELAÇÃO SEXUAL COM AS FILHAS DOS HOMENS, DA LINHAGEM DE CAIM (HUMANAS).

MAS NÃO É BEM ISSO QUE ENTENDEMOS QUANDO ESTUDAMOS E APLICAMOS A PALAVRA ORIGINAL EM ARAMAICO 'FILHOS DOS HOMENS', BENE ELOHIM, NESSE TEXTO EM GÊNESIS E NOS DEMAIS TEXTOS EXISTENTES.

TODOS REFEREM-SE BENE ELOHIM À SERES CELESTES OU FEITOS, FEITURAS DE DEUS. NÃO É APLICADO AOS HOMENS MORTAIS.

A EXPRESSÃO 'FILHOS DE DEUS' NO VELHO TESTAMENTO REFERENCIANDO AO HOMEM, SÓ FOI UTILIZADO UMA VEZ À ADÃO.

POSTERIORMENTE AS OUTRAS 04 CITAÇÕES FAZ REFERÊNCIA À ANJOS.

DEPOIS NO NOVO TESTAMENTO É UTILIZADO AMPLAMENTE PARA DESIGNAR A FILIAÇÃO À DEUS ATRAVÉS DA ACEITAÇÃO DE SEU FILHO, O CRISTO.

- LEIA O ARTIGO 'ANJOS E GIGANTES - ORIGEM' DA MESMA AUTORA.


IMPORTANTE:
APRENDEMOS QUE O LIVRO DE ENOQUE É APÓCRIFO.
E ESSE PRECONCEITO NOS SEGUIU DE GERAÇÃO A GERAÇÃO...

PORQUE SERÁ QUE O LIVRO DE ENOQUE FOI DEIXADO FORA DOS LIVROS CANÔNICOS (BÍBLIA SAGRADA) PELA PRIMEIRA COMPILAÇÃO 'SEPTUAGINTA' E DEPOIS NO CONCÍLIO DE NICÉIA NO GOVERNO DO PERVERSO E SANGUINÁRIO CONSTANTINO, O IMPERADOR QUE FORJOU SUA CONVERSÃO AO CRISTIANISMO?

Conforme Elizabeth Clare Prophet (2002), foi o rabino Simeon ben Yohai (120?-170?) quem colocou os judeus contra o Livro de Enoque e que isso permitiu ao Santo Agostinho observar que a obra deixou de fazer parte das Escrituras aprovadas pelos judeus.


UM POUCO SOBRE ENOQUE:

"Enoque, o sétimo depois de Adäo" é uma citação de 1 En.60.8

O sacerdote-cientista Enoch, é um patriarca pré-diluviano, um dos personagens mais famosos do ciclo anterior do tempo.

Pai de Matusalém e avô de Noé, é creditado na Bíblia como arquiteto do Zion original , a legendária "cidade de Yahweh".(Gen 5:21 a 24)

Nota: É tradição considerar que Enoch não tenha morrido, mas tenha sido levado por "Deus" para fora da Terra (Hebreus 11,5), como Elias ( 2 Reis 2,3-12).

Os dados conhecidos desse patriarca fizeram dele um protótipo da piedade hebraica e seu nome aparecerá como autor de numerosos 'apócrifos'.

A Enoch é creditado também a invenção do alfabeto e do calendário.

É considerado o primeiro astronauta da história por algumas escolas de mistério, pois os escritos antigos diz com clareza: "elevado ao Senhor" e lhe foi mostrado "os segredos da terra e do céu".

Ele volta à terra com "pesos e medidas" para toda a humanidade, o que quer dizer que ele trouxe técnicas, conhecimento,matemática e outras ciências que serviu para as civilizações antigas.

CIVILIZAÇÃO ANUNNAKI - GIGANTES E DESCENDENTES:

NOTA DA AUTORA:
QUERO RESSALTAR QUE CONCORDO ATÉ CERTO PONTO COM Zecharia Sitchin, UM ESTUDIOSO DURANTE 30 ANOS SOBRE O POVO SUMÉRIO E OS ANUNNAKIS.

COM RELAÇÃO AS EVIDÊNCIAS ARQUEOLÓGICAS E OUTROS, DISCORDO QUANDO ELE AFIRMA QUE ENLIL (O DEUS JAVÉ E CRIADOR DO HOMEM, UNIVERSO, COSMOS, E TUDO QUE TEM VIDA) E ENKI (AO MEU VER SERIA LÚCIFER E CRIADOR DOS GIGANTES) SÃO EQUIPARADOS EM PODER E SUPREMAÇÃO.

PARA MIM DEUS, JAVÉ, É O MÁXIMO DEUS.

O RESTANTE SÃO DEUSES(ZINHOS) OU ANJOS DECAÍDOS E SEUS DESCENDENTES...

TAMBÉM DISCORDO EM PARTE SOBRE OS EXTRATERRESTRES APENAS COMO UM SER DO ESPAÇO, PARA MIM SÃO SERES CELESTES DECAÍDOS OU DEMÔNIOS.

MAS TEM MUITOS FATOS INTERESSANTES QUE OS CONHCEDORES DAS ESCRITURAS SAGRADAS IRÃO CRIAR UM LINK COERENTE COM AS PROFECIAS E HISTÓRIA GERAL DA ANTIGUIDADE.

LEIA O SITE SOBRE Zecharia Sitchin E SEUS ESTUDOS.

APESAR DE DISCORDAR EM MUITOS PONTOS, É UM SITE MUITO RICO DE FOTOS, ARQUEOLOGIA...VALE A PENA:


O que foi a raça dos Nephilins ou como eram chamados os filhos de Anaqui (raça dos anunakis) ou os Emins. Eram gigantes?

O livro de Genesis fala sobre ele e são comentados em outros livros.

Já foi encontrada muitas ossadas e esqueletos completos.

Quais são hoje os descendentes desta raça?

Todas estas perguntas já foram respondidas, mas estes documentários não são divulgados
por um único motivo.

ELES AINDA ESTÃO ENTRE NÓS! Precisamente o seu DNA recessivo.

Não com a mesma altura como no passado.

São os decendentes da linhagem da serpente que hoje dominam o mundo dos governos.

Eles lideraram o Egito, os babilonicos, os filisteus e diversas outras cidades incluindo a antiga Canaã onde Josué liderou vários ataques contra eles e Davi e muitos...


Livro de DEUTERONÔMIO Cap 9

1  Ouve, ó Israel, hoje passarás o Jordäo, para entrares a possuir naçöes maiores e mais fortes do que tu; cidades grandes, e muradas até aos céus;

2  Um povo grande e alto, filhos de gigantes, que tu conheces, e de que já ouviste. Quem resistiria diante dos filhos dos gigantes?

3  Sabe, pois, hoje que o SENHOR teu Deus, que passa adiante de ti, é um fogo consumidor, que os destruirá, e os derrubará de diante de ti; e tu os lançarás fora, e cedo os desfarás, como o SENHOR te tem falado.

4  Quando, pois, o SENHOR teu Deus os lançar fora de diante de ti, näo fales no teu coraçäo, dizendo: Por causa da minha justiça é que o SENHOR me trouxe a esta terra para a possuir; porque pela impiedade destas naçöes é que o SENHOR as lança fora
de diante de ti.


ANUNNAKIS - HUMANÓIDES GIGANTES:

JÁ EXISTEM MUITAS EVIDÊNCIAS DA EXISTÊNCIA DOS ANUNNAKIS, NEFILINS OU GIGANTES.

MAS NA MESMA PROPORÇÃO DAS DESCOBERTAS É A PROPORÇÃO DA DESINFORMAÇÃO CAUSADA PROPOSITALMENTE PELA A MÍDIA E PELOS GOVERNOS; UM DOS MOTIVOS É SEM DÚVIDA ESSE:

PARA QUE A BÍBLIA CONTINUE SENDO RIDICULARIZADA...


EVIDÊNCIAS:
- ESCRITURAS SAGRADAS: BÍBLIA.

- LIVROS APÓCRIFOS: EM ESPECIAL O LIVRO DE I ENOCH.

- MONUMENTOS MONOLÍTICOS E RUÍNAS MILENARES ENCONTRADAS. ESTÃO ESPALHADAS PELO MUNDO E TAMBÉM NO FUNDO DOS OCEANOS, COMO É O EXEMPLO DA 'CIDADE PERDIDA YONAGUNI' NO LITORAL ASIÁTICO.

- MACHADOS GIGANTES ENCONTRADOS NO IRAQUE.

- UMA GIGANTESCA FACE DE PEDRA CRAVADA NO MEIO DE UMA SELVA NA GUATEMALA.

- PAINÉIS HIERÓGLIFOS NO EGITO.

- ACHADOS ARQUEOLÓGICOS, ARTEFATOS DE TRABALHO E DE GUERRA, PEGADAS FOSSILIZADAS, ESQUELETOS OU PARTES DELES, GEOGLIFOS E PINTURAS RUPESTRES...

- EXISTEM DIVERSOS HUMANOS BASTANTE ALTOS (MÉDIA DE 2.30) AINDA HOJE...SERIA O GENE RECESSIVO NO PRESENTE?

OS ANUNNAKIS E POSTERIORMENTE SEUS DESCENDENTES A CIVILIZAÇÃO SUMÉRIA LOCALIZAVA-SE NA BABILÔNIA, ONDE HOJE FICA O IRAQUE.

SURGIU HÁ MAIS OU MENOS 6 MIL ANOS ATRÁS NA REGIÃO DO ORIENTE MÉDIO.

O CURIOSO É QUE TODOS OS HISTORIADORES APRESENTAM ESSA CIVILIZAÇÃO COMO SURGIR DO 'NADA', POIS NÃO HÁ REGISTRO DE QUALQUER TIPO DE POVO PRIMITIVO QUE OS TENHAM PRECEDIDOS.

COMO QUE SUBITAMENTE SEM NENHUM REGISTRO E COM ALTO NÍVEL DE CONHECIMENTO, SURGIU POVOS, CIDADES, CONSTRUÇÕES, FAZENDEIROS, ORGANIZAÇÃO SOCIAL, REIS E SACERDOTES, CÓDIGOS DE LEIS, LITERATURA, ARTE, MÚSICA, INSTRUMENTOS MUSICAIS...

O LEGADO DE CONHECIMENTO QUE ELES IMPLANTARAM É SURPREENDENTEMENTE (SEM NENHUMA DEVOÇÃO), ELES IMPLANTARAM A MATEMÁTICA APLICADA, O SISTEMA DE HORAS DE 1 A 60: 1 MINUTO SÃO 60 SEGUNDOS, 1 CÍRCULO SÃO 360 GRAUS.

TUDO NOS CÁLCULOS DOS SUMÉRIOS ERA BASEADO EM CICLOS DE 60 E/OU NO NÚMERO 6.

FORAM ELES QUE DESENVOLVERAM O SISTEMA DE ESCRITA, O CUNEIFORME, QUE ERAM SÍMBOLOS GRAVADOS EM BARRO ÚMIDO QUE QUANDO SECAVAM FICAVAM ETERNAMENTE GRAVADOS E SUA DURABILIDADE É SUPERIOR À UM LIVRO QUALQUER QUE ATUALMENTE CONHECEMOS.

TAMBÉM SÃO OS INVENTORES DOS PICTOGRAMAS QUE SÃO PEDRAS, NA MAIORIA, PEDRAS PRECIOSAS.

SÃO CILINDROS CUNEIFORMES ALONGADOS EM SUA ALTURA QUE POSSUEM GRAVURAS IMPRESSAS QUE AO PASSAR PARA OUTRA SUPERFÍCIE(PAINÉIS DE PEDRAS), FICAM GRAVADAS PERMANENTE, SÃO COMO UM NEGATIVO UTILIZADO NA IMPRESSÃO DE JORNAIS.

UMA INVENÇÃO SURPREENDENTE PARA AQUELA ÉPOCA!

ELES TAMBÉM SÃO OS PIONEIROS NA UTILIZAÇÃO DE TIJOLOS EM CONSTRUÇÕES CIVIS, POIS ANTES TODA CONSTRUÇÃO ERA EXECUTADA COM PEDRAS TOSCAS OU BLOCOS DE PEDRA.

SUAS OBRAS COM TIJOLOS ESTEVE NA TORRE DE BABEL E EM SEUS TEMPLOS SAGRADOS CHAMADOS DE ZIGURATES.

SEUS CONHECIMENTOS NA ASTRONOMIA SÃO UM LEGADO PARA A HUMANIDADE. NÃO HÁ COMO NEGAR QUE A SABEDORIA DELES ERA SOBREHUMANA DEVIDO AO SEU DNA CORROMPIDO, HOMEM X ANJOS.

EM SUAS GRAVURAS OS SUMÉRIOS JÁ RETRATAVAM ALÉM DO SOL E DA LUA, OS PLANETAS DE MARTE, VÊNUS, SATURNO, ASTERÓIDES...

O SISTEMA SOLAR (QUE CONHECEMOS HOJE) RODEADOS PELOS PLANETAS, INCLUSIVE COM SEUS RESPECTIVOS DIFERENTES TAMANHOS E SUA ORDEM CORRETA.

NÓS SÓ DESCOBRIMOS ISSO COM A INVENÇÃO DO TELESCÓPIO.

ESTAS EVIDÊNCIAS ESTÃO NESSES CILINDROS EXPOSTOS NO MUSEU DE BERLIM.

AS SETE TÁBUAS DA CRIAÇÃO E O PLANETA X OU 12 SEGUNDO PLANETA:

FORAM ENCONTRADAS SETE TÁBUAS DA CRIAÇÃO DO MUNDO, REDIGIDA PELOS SUMÉRIOS E CONFORME O LIVRO DE GÊNESIS.

NELA ESTÁ A CITAÇÃO, ALÉM DO SEU CONHECIMENTO ASTRONÔMICO DO SISTEMA SOLAR, ELES INDICAM PROXIMO DE MARTE E JUPITER, UM CENTURIÃO DE ASTERÓIDES, OU SEJA, UM PLANETA QUE SE PARTIU.

NA QUARTA TÁBUA, REDIGIDA POR UM SUMÉRIO DE NOME ENUMA ELISH, ELE DESCREVE A CRIAÇÃO DO TERRA POR DEUS E O ÉPICO DA CRIAÇÃO.

ELE DESCREVE QUE TODOS OS PLANETAS GIRAVAM, COMO ATÉ HOJE EM SENTIDO ANTI HORÁRIO AO SISTEMA SOLAR, MAS QUE UM PLANETA INVASOR (CHAMADO DE NIBIRU), ENTROU NESSA ORBITA NO SENTIDO INVERSO OU CONTRÁRIO E COLIDIU COM UM PLANETA CHAMADO DE TIAMAT, ONDE SE ENCONTRA A CONSTELAÇÃO DE ASTERÓIDES.

A HISTÓRIA DOS ANUNNAKIS (NOME ANAQUINS CONFORME A BÍBLIA):


OS ENSINOS DOS ANUNNAKIS
LIVRO DE ENOQUE CAP 8:

1 Além disso, Azazyel ensinou os homens a fazerem espadas, facas, escudos, armaduras (ou peitorais), a fabricação de espelhos e a manufatura de braceletes e ornamentos, o uso de pinturas, o embelezamento das sobrancelhas, o uso de todo tipo selecionado de pedras valiosas, e toda sorte de corantes, para que o mundo fosse alterado.

2 A impiedade foi aumentada, a fornicação multiplicada; e eles transgrediram e corromperam todos os seus caminhos.

3 Amazarak ensinou todos os sortilégios(magias), e divisores de raízes:

4 Armers ensinou a solução de sortilégios(magias);

5 Barkayal ensinou os observadores das estrelas, (9)
(9) Observadores das estrelas. Astrólogos (Charles, p. 67).

6 Akibeel ensinou signos;

7 Tamiel ensinou astronomia;

8 E Asaradel ensinou o movimento da lua,

9 E os homens, sendo destruídos, clamaram, e suas vozes romperam os céus.

RELATA OS ESCRITOS EXPOSTOS, QUE ELES DO SEU PLANETA X (NIBIRU) E 'POUSARAM' NO GOLFO PÉRSICO NIPPUR (ATUALMENTE O IRAQUE), EM EDIN (LOCAL ONDE A BÍBLIA LOCALIZA O JARDIM DO ÉDEN), O CENTRO DA TERRA.

CONFORME OS ESTUDOS SOBRE OS ANUNNAKIS ELES RELATAM O SEU FUTURO RETORNO À TERRA VINDO PLANETA NIBIRU, E SEGUNDO ESTUDIOSOS NO ASSUNTO COMO ZECHARIA SITCHIN.

SERIA EM 2012?
ACREDITO QUE NÃO...
MAS 2012 É UM ANO PERTINENTE PARA OS ANUNNAKIS...

NA VERDADE TODO O ASSUNTO DO CALENDÁRIO DOS MAIAS E SEU ANO DE 2012, SURGIU COM OS OLMECAS, UM POVO DA ÁFRICA TRAZIDO POR QUETZOACOAL, IDENTIFICADO COMO SENDO O DEUS EGÍPICIO THOT, QUE OS TROUXE EM 3.112 A.C.
O CALENDÁRIO DELES E O NOSSO ATUAL É LINEAR: DIA 1, DIA 2...

NO CASO DAS PROFECIAS BÍBLICAS NO VELHO E NOVO TESTAMENTO, NO CALENDÁRIO DE DEUS, TEMOS UMA TÁBUA CÍCLICA DO TEMPO, TUDO EM CICLOS E ISSO MUDA A CONTAGEM DOS TEMPOS E SEUS ACONTECIMENTOS: "O INÍCIO É O FIM, O PASSADO É O FUTURO".

TUDO É UM CICLO.

NAS PROFECIAS BIBLICAS CONTIDAS NO LIVRO DO PROFETA DANIEL SOBRE O FIM DOS DIAS EXISTE UMA TÁBUA DO TEMPO.

ESSA PROFECIA CITA NÚMEROS DE ANOS.

MAS A MELHOR PISTA É QUANDO O ANJO DO SENHOR DIZ A DANIEL:

" O FIM DOS DIAS VIRÁ MEIO TEMPO, TEMPO E DOIS TEMPOS".

DANIEL PERGUNTA:- O QUE SIGNIFICA ESSA EXPRESSÃO?

MAS O ANJO NÃO RESPONDEU.

HOJE SABEMOS QUE PODE-SE CALCULAR UM TEMPO COMO 01 DIA,
01 ANO OU 100 ANOS OU 1.000 ANOS...

ISAAC NEWTON, UM CONHECEDOR PROFUNDO DE ORBITAS CELESTIAIS, CASAS ZODIACAIS E GRAUS, PASSOU BOA PARTE DE SEU TEMPO DE ESTUDOS TENTANDO CALCULAR O ASSUNTO DO TEMPO DO FIM DOS DIAS.

RECENTEMENTE VEIO À TONA NOS JORNAIS, DOCUMENTOS ESCRITOS À MÃO DE CÁLCULOS DE ISAAC NEWTON.

ELE FAZ INDICAÇÃO EM 3 CÁLCULOS DIFERENTES COM O MESMO RESULTADO DO ANO DE 2.160 (SERÁ MESMO? A BÍBLIA NÃO CITA NENHUMA DATA, SÓ EVIDÊNCIAS E FATOS!) PARA O FIM DOS DIAS, A NÃO SER QUE SEJA UMA REFERÊNCIA A GUERRA DO ARMAGEDON(*). ERA UM CÁLCULO DAS CASAS ZODIACAIS DOS ANUNNAKIS CONHECIDO ATÉ HOJE POR NÓS.

(*)HAR-MEGIDO, MONTANHA DE MEGIDO QUE FICA EM ISRAEL.

PARTICULARMENTE ACHO QUE O FIM DOS DIAS ESTÁ PRÓXIMO.

FIM DOS DIAS NÃO É FIM DO MUNDO COMO MUITOS PENSAM.

É O COMEÇO DE GRANDES ACONTECIMENTOS E MUDANÇAS CONFORME PROFECIAS BÍBLICAS.

CONFORME ISAAC NEWTON, O TEMPO CITADO À DANIEL PELO ANJO DO SENHOR REFERIA-SE AOS TEMPOS DOS ANUNNAKIS ELES DIVIDIRAM SEUS TEMPOS EM ERAS: ERA DE TOUROS, DE ARIES, ERA DE AQUÁRIOS E A ERA DE PEIXES ESTÁ ÀS PORTAS...

APESAR DE EXPOR ESSE ESTUDO SOBRE OS ANUNNAKIS, NÃO PRETENDO CRIAR UMA "SALADA" DE IDEOLOGIAS.

ACREDITO QUE POSSAMOS RETIRAR DESSES ESCRITOS SUMÉRIOS ALGO QUE ESTEJA CAMUFLADO E SEJA IMPORTANTE PARA NOS CAUTELAR SOBRE FUTUROS ACONTECIMENTOS EM ALUSÃO À EXTRATERRESTRES QUE COM CERTEZA APARECERÃO A NÍVEL MUNDIAL.

É SÓ AGUARDAR!

ACHADOS ARQUEOLÓGICOS:

NO MUSEU DE HERMITAGE, NA RÚSSIA, ESTÁ EXPOSTO UM SELO CILÍNDRO DATADO DE 2.500 A.C. QUE MOSTRA UM ASTRONAUTA NO SEXTO PLANETA QUE É MARTE, SAUDANDO UM OUTRO ASTRONAUTA DO SÉTIMO PLANETA QUE É A TERRA, E ENTRE ELES HÁ UMA ESPACONAVE E O RETORNO DOS ANUNNAKIS.

ENTÃO...DE ACORDO COM TODOS OS ESTUDOS BÍBLICOS, APÓCRIFOS(ENOQUE), CIENTÍFICOS(ISAAC NEWTON) E DOS ANUNNAKIS, O TEMPO ESTÁ ACELERANDO ACONTECIMENTOS.


CONCLUSÃO:

- OS MAIAS ACENAREM ESSA DATA PARA ALGUM TIPO DE EVENTO, E ELES ERAM DESCENDENTES DOS ANUNNAKIS (GIGANTES).

- O QUE OCORRERÁ EM 2012 (E NÃO É O FIM DO MUNDO, RSSR..) COM RELAÇÃO AOS ANUNNAKIS E SEU PLANETA X  OU 12o. PLANETA?

- OS CRISTÃOS TEM A BÍBLIA SAGRADA COMO O LIVRO DE CONDUTA.

CREIO NAS ESCRITURAS SAGRADAS, MAS É SER INOCENTE DEMAIS PENSAR QUE OUTRO LADO OBSCURO EM OPOSIÇÃO AO DEUS SUPREMO, NÃO TENHAM TAMBÉM SEUS ESCRITOS, SUAS MENSAGENS E REVELAÇÕES, PRINCIPALMENTE QUANTO AO FIM DOS DIAS.

- DEVEMOS LER A BÍBLIA INVESTIGATIVAMENTE, COM MAIS ENTENDIMENTO E SEM ESQUECER O SIGNIFICADO REAL DAS PALAVRAS EM ARAMAICO E QUE SE PERDEU MUITO NAS TRADUÇÕES TENDENCIOSAS PARA O GREGO, LATIM E NOSSA LÍNGUA USUAL, HÁ ENTRELINHAS NOS ESCRITOS PROFÉTICOS DE HABACUQUE, AMÓS, EZEQUIEL, DANIEL...INDICANDO FATOS SURPREENDENTES.

-ENTRETANTO OS CRISTÃOS DE TEMPLOS SÃO GUIADOS POR UMA MAIORIA DE LÍDERES QUE SÓ PROPAGAM MENSAGENS ROTINEIRAS, BATIDAS À SÉCULOS...ENTRERTENDO FIÉIS COM A MALDITA TEOLOGIA DA PROSPERIDADE, COM A MAÇÔNARIA VELADA E COM EVANGELHO PRA CRIANÇAS NA FÉ.

- ASSIM, O TEMPO VAI PASSANDO E A IGNORÂNCIA AUMENTA NA PROPORÇÃO DO FANATISMO E SECTÁRISMO RELIGIOSO.

ENQUANTO ISSO O MUNDO CAMINHA PARA DECISÕES IMPORTANTÍSSIMAS SOBRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS E SEUS EVENTOS INIGUALÁVEIS, A MARAVILHOSA E ESPERADA VINDA DE CRISTO E A MALDITA VINDA DOS ANUNNAKIS E SEU LÍDER, O SER DA ESCURIDÃO, O ANTICRISTO ESPIRITUAL, SOCIAL E POLÍTICO.
- QUEM VIVER VERÁ, ACREDITANDO OU NÃO.

IMPORTANTE:
NÃO DEIXE DE ASSISTIR ESSE EXCELENTE FILME...

2012 - O RETORNO OS ANUNNAKIS (11 CAPÍTULOS):
  
***



***

sábado, 26 de janeiro de 2013

Golfinho Brincando - Dolphins Playing

GOLFINHOS BRINCANDO
DOLPHINS PLAYING


Para assistir ao vídeo dê um pause na rádio.
Fonte: You Tube

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

Resonance - Beings of Frequency - Documentary


Resonance - Beings of Frequency

Documentary



Para assistir ao vídeo dê um pause na rádio.
Fonte: You Tube

***

Conheça e adquira em:

***

Sacred Geometry DNA changes 2012 Mollecular Atom Consciousness

Sacred Geometry 

DNA changes 2012 Mollecular Atom Consciousness



Para assistir ao vídeo dê um pause na rádio.

Fonte: You Tube

***


Conheça e adquira em:

***

TUDO VIBRA!!! - DESPERTE!!!


TUDO VIBRA!!! - DESPERTE!!!


Tudo vibra, somos reflexos do Som e da Luz. O tempo é uma visão distorcida e subjetiva para esta dimensão, ele existe somente aqui. 


Para a consciência Universal tempo é relativo. 

Quando trabalhamos determinados canais de frequências no ser humano vamos expandindo a consciência da humanidade a ponto de dar esse salto que é muito mais que quântico. Um salto de consciência, consciencial para um novo Universo.

Através deste salto tudo se re-transforma!

Nesse re-transformar, nessa RE-EVOLUÇÃO surge uma nova ciência, uma nova filosofia, uma nova arquitetura, uma nova educação, um novo tipo de compor musicas em fractais perfeitos ascendendo em ritmo consciente e alterando toda nossa estrutura física, emocional, psicológica e genética. 

Esse é o despertar espiritual na visão cientifica e matemática. Dizem que DEUS geometriza e nós somos o resultado desta divina proporção geometrizada por essa inteligencia suprema.

MMSorge - Frequências de Cura Sete Chakras nasce com esse objetivo, re-transformar o externo a partir do interno, a partir de cada Ser humano o reconectando com sua própria essência e consciência para o despertar. 

Quando esse despertar surge descobrimos a unidade de todas as coisas e o que estava aparentemente separado, desconectado, individualizado se torna unido e conectado novamente.

Nada esta separado de nada, nunca esteve!

É na unidade múltipla de seres que nos nos tornamos UNIVERSUS consciente.

Desperte!

MMSorge


Ouça uma amostra de um dos CDs abaixo no vídeo abaixo.


Conheça o Frequências de Cura em:

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Amor Gnóstico / Amor Tântrico: Suprasexualidade, Liberdade, Transcendência

Amor Gnóstico / Amor Tântrico: 
Suprasexualidade, Liberdade, Transcendência


Sol e Luna

Oh Luna, por mim cingida
minha doce lua
Como eu
tornaste-te fina
forte e poderosa.

Oh Sol,
tu és identificável 
sobre todos os outros.
Precisas de mim 
como o galo precisa das galinhas.


Magia Sexual é o termo ocultista para designar diversas práticas sexuais usadas com propósitos mágicos, místicos ou espirituais.

A premissa fundamental da magia sexual é o conceito de que a energia sexual, ou libido, do organismo humano é a força mais poderosa que podemos manipular e que algumas práticas ocultas podem acumular, direcionar ou modificar esta energia de modo a atingir objetivos pré-determinados. Existem duas escolas principais de Magia Sexual, chamadas de o "caminho da mão esquerda" e o "caminho da mão direita".

O caminho da mão esquerda defende que o orgasmo deve ser adiado até que sua energia seja tanta que possa segundo a visão dos praticantes, alterar a realidade ou levá-los a estados alternativos de consciência. Os seguidores desta escola baseiam seus conhecimentos no trabalho original de Paschal Beverly Randolph, seguido de Theodor Reuss e mais tardiamente por Aleister Crowley.

Alternativamente, o caminho da mão direita defende que o orgasmo é a antítese da sublimação sexual. Neste contexto o orgasmo não é apenas adiado, mas superado em prol do que seus praticantes consideram energias superiores.

“Portanto, nós consideramos o Amor santo, a religião de nossos corações, a ciência de nossas mentes. Não terá Ele o Seu Rito designado, Seus Sacerdotes e poetas, Seus criadores de Beleza em cor e forma para adorná-Lo, Seus músicos para saudá-Lo? Não deverão Seus Teólogos, adivinhando a natureza Dele, declará-Lo? Não devem mesmo aqueles que apenas varrem o terreno em frente do Seu templo partilhar através disto da pessoa Dele? Não deverá nosso cientista por as mãos Nele, medi-lo, descobrir profundezas, calcular seus cumes, e decifrar as leis de sua Natureza?

Também para nós de Thelema, que assim treinamos nossos corações e mentes para serem peritos engenheiros daquele arranha-céu, o Amor, o navio para voar até o Sol; para nós o acto de Amor é a consagração do corpo ao Amor. Nós queimamos nosso copo no Altar do Amor, para que mesmo o bruto possa servir à Vontade da Alma.

Devemos então estudar a arte do Amor Físico. Não devemos frustrar ou trabalhar mal.

Devemos ser frios e competentes como cirurgiões; cérebro, olho e mão, os instrumentos perfeitamente treinados na Vontade. Devemos estudar o assunto abertamente e impessoalmente,  devemos ler os tratados, ouvir lições, assistir demonstrações, obter nossos diplomas antes de entrarmos na prática.

Não queremos dizer o mesmo que o “cristão” quando dizemos “o acto de Amor”. Para nós não é o gesto grosseiro de um homem sofrendo um ataque, não é uma luta, um espasmo sem senso, uma súbita repulsão de vergonha, como é com ele.

Temos uma arte de expressão; estamos treinados para interpretar a alma e o espírito em termos do corpo. Não negamos a existência do corpo, nem o desprezamos; recusamos, porém, a considerá-lo sob qualquer outra perspectiva que esta: é o órgão do Ente. Deve, no entanto, ser ordenado de acordo com suas próprias leis; aquelas do Ente mental ou moral não se aplicam a ele. Nós Amamos; isto é, nós queremos unir-nos; então um deve estudar o outro, adivinhar toda borboleta-pensamento que passa, e oferecer-lhe a flor que ela mais aprecia. O vocabulário do Amor é pequeno, seus termos triviais; buscar novas palavras e frases é ser afetado.

Mas a linguagem do corpo nunca se exaure; nós podemos falar durante uma hora como uma pestana. Existem coisas íntimas, delicadas, sombras das folhas da Árvore da Alma que dançam na brisa do Amor, tão sutis que nem Keats nem Heine em palavras, nem Brahms nem Debussy em música, puderam dar-lhe corpo. É a agonia de todo artista, quanto maior ele é, maior o seu desespero, pois, não consegue expressar todas essas coisas. E aquilo que não podem fazer, nem uma única vez numa vida de ardor,  é feito em toda plenitude pelo corpo que, Amando, aprendeu a lição de como Amar.” Aleister Crowley


Mais de uma escola mística, budista ou vishnuísta, continuou a usar o maithuna yóguico-tântrico, e no entanto o "amor devocional" continuou a desempenhar um papel primordial. A corrente mística profunda conhecida por sahajiya, que é um prolongamento do tantrismo, seja este derivado do budismo ou do hinduismo, mantêm uma primazia pelas técnicas eróticas.

Apesar disso, tanto ao nível do tantrismo como do hathayoga, a união sexual é compreendida como um meio para atingir a "beatitude suprema", amahasukha, que não se deve alcançar jamais mediante uma emissão seminal.

O maithuna surge-nos então como o desfecho de uma longa e árdua aprendizagem ascética. O neófito deve dominar perfeitamente os seus sentidos, e mediante este propósito deve aproximar-se gradualmente da "mulher devota" (nayika), e transformá-la, mediante um desenrolar teátrico iconográfico préviamente interiorizado, em deusa. Para isso, deve servi-la como um criado, durante os primeiros quatro meses; primeiro dormir no mesmo quarto que ela, e depois aos seus pés.

Durante os quatro meses seguintes, apesar de a continuar a servir, deverá dormir na sua cama, ao seu lado esquerdo. Deverá dormir ao seu lado direito durante outros quatro meses, e depois abraçados, etc. Todos estes preliminares têm por objectivo a "autonomização" da voluptuosidade - considerada como a única experiência que poderá conduzir à beatitude nirvânica - e o domínio dos sentidos, assim como a detenção seminal.

No Navika-sadahna-tika é descrito todo o cerimonial em grande detalhe. Este é composto por oito partes, começando pela sadahna - a concentração mística com a ajuda de fórmulas litúrgicas; seguido dasmarana (a recordação, o penetrar na consciência), o aropa (atenção dada a outras qualidades do objecto) quando se oferecem cerimonialmente flores à navika (que começa a tranformar-se em deusa); manana("recordar a beleza da mulher quando ela está ausente"), que já implica uma interiorização do ritual.

Na quinta etapa, dhyana (meditação mística), a mulher encosta-se à esquerda do seu devoto e é abraçada "de forma a que o espírito se consiga inspirar". Na puja, (o "culto" própriamente dito), é adorado o local em que a navika se senta, fazem-se oferendas e banha-se a mulher como se banha uma imagem de uma deusa. Durante este tempo, o praticante vai repetindo mentalmente fórmulas.

A concentração alcança o seu grau máximo quando se leva a navika nos braços e se a deposita no leito, repetindo a fórmula: Hling kling kandarpa svaha. A união tem lugar entre "os deuses". O jogo erótico realiza-se num plano transfisiológico, porque nunca tem fim. Durante o maithuna, o yoguin e sua nayika incorporam uma "condição divina", no sentido em que não só experimentarem a beatitude, mas poderem também contemplar directamente a realidade essencial.

Não se deve esquecer que o maithuna não deve nunca terminar numa emissão seminal: boddhicitam notsrjet, "não se deve emitir o semen", repetem o textos. Caso contrário, o yoguin ficará à mercê da lei do tempo e da morte, como um libertino vulgar. Com estas práticas, a "voluptuosidade" exerce o papel de um "veículo", permitindo a tensão máxima e abolindo a consciência vulgar, inaugurando o estado nirvânico, osamasara, a experiência paradoxal da Unidade. Como já tinhamos visto - o samasara  obtem-se apartir da "imobilização" da respiração, do pensamento e do sémen.

Os Doha-kosa de Kanha insistem constantemente neste ponto: a respiração "não sobe nem desce; não faz nem uma coisa nem outra, permanece imóvel".  "Quem a tiver conseguido aquietar na raíz do seu espírito mediante a identificação do gozo (samasara) num estado inato (sahaja), converte-se imediatamente num mago; não teme a velhice nem a morte."
É a "identidade do gozo" que ocorre durante a experiência incomensurável da Unidade (samasara), quando se alcança o estado de sahaja, o estado do não-condicionamento, da espontaniedade pura. Por outro lado, todos estes termos são de difícil tradução. Cada um se esforça por expressar o estado paradoxal da não-dualidade absoluta (advaya) que desemboca no mahasukha, a Grande Beatitude.

Assim como o bramhan das Upanishades e dos vedas, o nirvana dos mahayanistas, o estado do sahaja é indefinível; não se pode conhecer a um nível dialético, apenas se poderá apreender através de experiências vividas. "O mundo inteiro, diz-nos o Hevajratantra, encontra-se patente na essência dosahaja, uma vez que o sahaja é a quintessência (svarupa) do todo. Esta quintessência é o nirvana para quem possuír o espírito (citta) puro." Poderemos chegar ao estado do sahaja após transendermos a dualidade; por essa razão, os conceitos de advaya (não-dualidade) e yuganddha (princípio da união) ocupam um importante lugar dentro da metafísica tântrica.

Esta dialética é o tema favorito da corrente madhyamica e de uma forma geral de todos os filósofos  mahayanistas. Mas o tântrico interessa-se particularmente pela realização (sadhana); deseja "realizar" o paradoxo expresso em todas as fórmulas e imagens que caracterizam a união dos contrários, deseja aceder através da experiência ao estado da não-dualidade.

Os textos budistas têm popularizado sobretudo os "pares opostos": prajna, a sabedoria, e upaya, o meio de a obter; sunya, o vazio, e karuna, a compaixão. "Unificá-las" ou "transcendê-las" equivalia em suma aceder ao estado paradoxal de umbodhisattva; na sua sabedoria, este não vê mais pessoas (sendo que metafísicamente, a "pessoa" não existe; o que existe é um conjunto de elementos), e portanto, mediante a sua compaixão, o bodhisattvaesforça-se por salvar as pessoas.

O tântrismo multiplica os "pares opostos": sol e lua, Shiva e Shakti, idá e pingalá, etc., e como acabámos de ver, esforça-se por "unificá-los" mediante técnicas fisiológicas subtis e também através da meditação. É importante sublinhar este feito: independentemente do nível do que se consiga realizar, a união dos opostos representa a superação do mundo dos fenómenos físicos, a abolição de toda a experiência da dualidade.

As imagens utilizadas sugerem o retorno a um estado primordial de não-diferenciação: a unificação do Sol e da Lua traduz a "destruíção do cosmos" e, consequentemente, o regresso à Unidade primordial. Nohathayoga, o indivíduo esforça-se por obter a "imobilização" da respiração e do sémen; é-lhe também pedido o "retorno do sémen", o que em si mesmo é um acto paradoxal, impossível de ser concretizado num contexto fisiológico "normal", dentro duma noção "normal" de cosmos.

Por outras palavras, o "retorno do sémen" traduz, no aspecto fisiológico, a "transcendência" do mundo dos fenómenos, o acesso à liberdade. Não é mais do que uma aplicação prática do acto de "ir contra a corrente" (ujana sadhana), o processo regressivo (ulta) dos Nath-siddha, implicando uma total "inversão" de todos os processos psico-fisiológicos. No fundo não mais do que a misteriosa noção de varavrtti, amplamente documentada nos textos mahayanistas, e que no tantrismo também se designa por "retorno do sémen".

O "retorno", a "regressão" implicam - para quem as realiza - a aniquilação do cosmos e consequentemente, a "saída do Tempo", o acesso à imortalidade. No Goraksa-vijava, Durga ("Shakti, Prakrti"), dirige-se a Shiva nos seguintes termos: "Como é possível, Senhor, que tu sejas imortal, e que eu seja mortal? Revela-me a verdade, Senhor, para que eu também me possa converter em imortal!" É aqui que Shiva revela a doutrinahathayoga. Sendo assim, a imortalidade obtem-se detendo a manifestação, o processo de desintegração; há que "ir contra a corrente", e reencontrar a Unidade primordial, imóvel, que existia antes da ruptura.

É isto que fazem os hathayoguis ao unir o "Sol" com a "Lua". Este acto paradoxal efectua-se através de vários níveis; mediante a união de Shakti (kundalini) com Shiva no nosso próprio corpo, obtem-se a inversão do processo cósmico, a regressão a um estado indiferenciado de Totalidade original; "fisiológicamente", a conjunção Sol-Lua traduz-se por uma união de prana e apana, ou melhor, uma "totalização" da respiração, mediante a sua detenção. Em último lugar, a união sexual, mediante determinada postura (vajrolimudra), leva ao "retorno do sémen". Mircea Eliade, O Erotismo Místico na Índia



Quando Salomé perguntou quando as coisas referentes ao que ela tinha perguntado seriam conhecidas, o Senhor disse: Quando vocês tiverem pisoteado nas vestes da vergonha e quando os dois se tornarem um e quando o macho com a fêmea não é nem macho nem fêmea. 

Clemente de Alexandria, Stromata




Se o amante se lança na chama da vela e não se queima,
ou a vela não é vela ou o homem não é Homem,
Assim o homem que não é enamorado de Deus
e que não faz esforços para o alcançar não é Homem.
Deus é aquele que queima o homem e o aniquila
e nenhuma razão o pode compreender.

Mawlana Rumi - ' Fihi ma fihi'

Por Amor

Por Amor
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

... És precioso aos meus olhos. Troco reinos inteiros por ti...

"Nem Cristão, Judeu, ou Muçulmano,

nem Hindu, nem Budista, Sufi ou Zen.

Nem uma Religião ou Sistema cultural.

Eu não sou do Oriente nem do Ocidente,

nem dos oceanos nem da terra,

nem material ou etéreo,

nem composto de elementos.

Eu não existo..."


Mawlana Jalaluddin Rumi